8 set

Acne

Acne facial

Em direção a espinha é uma doença da pele que atinge por volta de 80% dos adolescentes nesta era da vida, afetando unidades formadas sobre pelos e também glândulas sebáceas: os folículos pilossebáceos.

O excesso a produção desde queratina na pele, causando essa obstrução do orifício folicular; hiperatividade das glândulas sebáceas, produzindo gordura em excesso; e também essa multiplicação a bactérias, uma vez que essa Propionybacterium acnes e também em direção a Staphylococcus epidermides, causando inflamações; são as primordiais causas desta doença, propiciadas usualmente ao longo de fatores hormonais, emocionais e também genéticos.

Acnes com primeiro proporção são aquelas nas quais o paciente apresenta cravos; já as a segundo, cravos e também espinhas inflamadas e também com pus. Borbulha a terceiro intensidade se manifesta com espinhas internas; as com quarto, com cravos e também espinhas unidos entre si, formando canais; e também, por último, as a quinto, despontam repentinamente, acompanhadas com febre, leucocitose, dores nas articulações, de entre demais sintomas. Rosto, peito e também costado são as primordiais regiões acometidas.

Causa o incômodo e também até possíveis desvantagens relacionados à autoimagem, buscar tratamento a começar de o início do apresentação dos sintomas é uma medida essencial, até porque reduz as chances do paciente apresentar cicatrizes em sua pele. A fim de que tal, é substancial uma consulta médica, uma vez que a fim de que todo caso – e também paciente – é indicado um gênero de com procedimento. Mudanças na sustento, uso com pílulas anticoncepcionais a fim de que monitorar essa dosagem hormonal, e também poucos fármacos, uma vez que essa isotretinoína, são número reduzido de exemplos. Proximamente descobriu-se que essa toxina botulínica também é capaz desde desvendar nascente entrave, sendo um procedimento bastante quebrável.

19 jul

Saiba Como é Feito o Tratamento de Reconstrução Capilar

cabelo_danificado

Conhecido também como botox capilar, a função do tratamento é desenvolver os fios as propriedades naturais que teve um desgaste nos processos químicos.

O que é a reconstrução capilar?

A reconstrução capilar é um tratamento para desenvolver as propriedades naturais nos fios dos cabelos, com isso o processo acaba reestruturando a fibra capilar e repara as diversas fissuras causadas nos processos químicos que danificam a área capilar, também podemos chamar a reconstrução capilar por outros nomes como reposição de massa e botox capilar.

Quem Deve Fazer a Reconstrução Capilar?

Podemos afirmar que quem deve fazer a reconstrução capilar são aquelas pessoas que tiveram seus fios danificados nos processos químicos. Cabelos que são finos e frágeis, também são os mais indicados para passar pelo tratamento de reconstrução, pois esses são mais fáceis em ter quedas.

Pessoas que pela ação do tabagismo tiveram a saúde dos seus cabelos danificadas e que passaras por processos cirúrgicos entre outras doenças também podem precisar do tratamento.

Em diversos casos pessoas que utilizam elásticos, ferramentas de calor que prejudicam os fios capilares, muitas vezes tem que recorrer a esse tipo de tratamento.

Como Faz a Reconstrução Capilar em Casa?

O processo para fazer a reconstrução capilar em casa é muito simples se comparado ao salão de beleza e não tem segredos. Só ter um xampu e uma máscara de reposição capilar, porém o ideal é sempre consultar um especialista assim você tem certeza qual os melhores produtos para utilizar e qual a melhor reconstrução capilar, lembrando que a queratina não é a mais indicada para se utilizar em casa.

Os produtos indicados para fazer a reconstrução em casa, como xampus, condicionadores, leave-in e máscaras tem ativos que fazem a reconstrução da fibra capilar, mas não com tanta eficácia que os produtos que os salões de beleza utilizam. Existem diferenças entre as marcas utilizadas, porém em geral todos os produtos são a base de minerais, proteínas, bio-colágeno, queratina, elastina, pantenol e diversas outras vitaminas.

Como Devem ser Feitas as Sessões

A quantidade de sessões da reconstrução capilar vai depender muito do estado do fio capilar e o que originou a degradação do cabelo. Esses fatores são de extrema importância para tomar o rumo certo do tratamento, são eles que vão determinar de como os fios vão absorver os agentes reconstrutores que irão entrar em ação durante a reconstrução.

A forma que será utilizada irá influenciar no tempo do processo da reconstrução capilar. Os produtos que utilizam a nanotecnologia têm uma ação mais rápida e eficaz, pelo fato da penetração ser mais rápida nos fios e assim acelerando a reconstrução dos fios capilares, forçando a sustentação do cabelo.

Os casos onde os cabelos estão muito danificados, o ideal é ir ao salão de beleza ao menos uma vez por semana para estabilizar o PH do cabelo e fazer uma reposição da massa perdida durante o procedimento químico, lembrando que a queratina só pode ser aplicada a cada 2 semanas.

Para casos não tão graves o ideal é que as sessões sejam em um intervalo de 20 a 30 dias.

Um site bacana que indica uma forma bacana para o processo caseiro é reconstrucaocapilarbr.com.

Quais são as Contraindicações Para Reconstrução Capilar

Umas das únicas contraindicações para esse tratamento são para pessoas que são saudáveis e não precisam de qualquer tipo de reconstrução, ou seja, seu cabelo está com uma boa saúde.

16 jul

O Que é Lordose?

o que é lordose

Podemos dizer que a lordose é um transtorno definitivo de uma curvatura em excesso da coluna para o lado de dentro. É diferente das curvas normais na cervical, tórax e região lombar, que são até certo ponto cifóticas ou lordóticas.

No que diz respeito as curvas naturais da coluna estão posicionadas da cabeça até acima da pelve e trabalham amortecendo o choque durante o movimento.

Encontramos a lordose em diversas idades. Ela atua principalmente na coluna lombar, mas também é muito comum ter no pescoço cervical. Na coluna lombar o indivíduo tem uma curvatura excessiva nas costas, nas regiões das nádegas é aonde se sobressai.

São diversas as formas de como se adquire a lordose e muitas vezes ela afeta os movimentos e pode ser extremamente dolorida.

Quais são os fatores que contribui para a lordose?

Alguns casos de enfermidades afetam de forma negativa à estrutura da coluna, assim contribuindo com a lordose, algumas dessas causas são bem comuns como a acondroplasia, discite, cifose, obesidade, osteoporose e espondilolistese, e com isso podemos identificar facilmente quais os sintomas da lordose.

  • A acondroplasia é um transtorno no crescimento ósseo e é uma herança genética, um problema que pode ser causado no crescimento do indivíduo.
  • A discite é um problema de inflação no espaço intervertebral dos discos.
  • A cifose força a parte inferior das costas compensando a falta de equilíbrio ocasionada pela curvatura excessiva da coluna, como por exemplo uma pessoa corcunda.
  • A obesidade pode fazer que pessoas que estão com sobrepeso se inclinem para trás para trás buscado o equilíbrio causando um impacto negativo na coluna.
  • A osteoporose é o desgaste da densidade óssea que causa a perda da força nas vértebras e isso compromete a estrutura da coluna.
  • A espondilolistese é quando uma vértebra vai para frente com relação a vértebra adjacente isso acontece muitas vezes na coluna lombar.

Nem todo tipo de lordose tem que ter um tratamento médico, aquela que tem uma curva rígida e fixa precisa de uma avaliação médica.

Tratamento através de cirurgia

Alguns casos a cirurgia é a mais indicada, são aqueles onde a curvatura for muito grave, Porém tal procedimento deve ser indicado caso o tratamento não cirúrgico não for satisfatório no objetivo do alívio da dor intensa. A decisão de como será feito o procedimento cirúrgico mais apropriado parte do cirurgião, podemos dizer que ele pode optar por uma abordagem anterior/posterior, frente ou costas.

As decisões são baseadas no histórico clinico do paciente, é analisado os sintomas e as radiografias. São analisadas as mais diversas opções de procedimentos cirúrgicos, sempre é indicado o discutir com o seu médico qual a melhor opção.

Recuperação após cirurgia

Independente do tratamento, seja conservador ou cirúrgico é de extrema importância seguir de forma fiel as instruções do médico ou fisiatra, sempre questione sobre as suas atividades e restrições.

Eles vão indicar alternativas seguras para o seu dia a dia, a fisioterapia pode e deve ser indicada na recuperação assim irá desenvolver um trabalho de força e flexibilidade assim aumentado o alcance dos movimentos.

O terapeuta irá traçar um plano personalizado ao paciente com exercícios que podem ser executados em casa.

Caso a cirurgia na coluna for realizada serão fornecidas prescrições médicas dos remédios necessários para a continuidade do tratamento, e as visitas devem ser periódicos ao cirurgião para o acompanhamento necessário.

Fontes:

saudeamiga.com

pt.wikipedia.org/wiki/Lordose

15 jul

Qual é a Quantidade de Água que Devemos Tomar Diariamente?

garotabebendoagua

Para quem busca por resultados na hipertrofia saber qual é a quantidade de água que devemos tomar diariamente se torna quase que obrigatório, pois isso irá influenciar diretamente em seus resultados.

Muitos ainda não têm ideia da importância de se tomar água, para se ter uma noção o nosso corpo é formado por 60% de água e com isso o organismo necessita desse consumo. Sabendo disso podemos afirmar que negligenciar o consumo desse liquido estamos sabotando a nossa saúde.

Diante dos fatos apresentados não precisamos ser expert em saúde para saber que é essencial beber água todos os dias e não podemos deixar para depois.

Se não consumirmos água o suficiente podemos ter diversos problemas, como a diminuição da capacidade menta e física, podemos ficar mal-humorados, não ter um bom funcionamento do intestino e ter um aumento significativo de doenças cardíacas.

Quando praticamos atividades com objetivo de hipertrofia a situação se complica, como disse anteriormente nosso corpo é formado por 60% de água e os nossos músculos a composição é ainda maior, 75%. Pesquisas demonstram que mesmo uma desidratação em um nível pequeno ela pode causar a perda de resistência muscular e força.

Já em outro estudo sugere que essa hidratação celular trabalha diretamente nas taxas de síntese proteica e na quebra da proteína. Resumindo, as células musculares que estiverem bem hidratadas contribuirão bem mais no crescimento muscular do que aquelas que não estiverem.

Finalmente, Qual a Quantidade de Água que Devemos Tomar Para a Hipertrofia?

Treinadores mais antigos chamados de Old School defendem que para ter a hipertrofia desejada com saúde e bons ganhos o mínimo tem que ser 4 litros de água por dia e isso não foge muito daquilo que órgãos respeitados como o Instituto de Medicina Americano sugere, 3,7 litros para homens e 2,7 litros para mulheres, e isso também inclui outros líquidos além da água como cafés, chás, sucos, etc…

Mas sempre temos que ter em mente que isso são apenas sugestões, não é uma regra já definida, isso pode variar e muito, pois temos fatores importantes a serem considerados, como o tamanho do indivíduo, qual o nível de intensidade da atividade física, então com isso concluímos que o mais importante é prestar atenção no seu corpo, quando tiver sede beba água. Se você for homem e já esteja consumindo 4 litros de água diariamente e ainda tem sede é evidente que você está precisando de mais água e ao inverso também acontecerá, se já bebe 4 litros e não sente mais sede não precisa tomar 10 litros por dia, pois além de ser desnecessário será prejudicial para sua saúde.

Conclusão

O artigo não quer mostrar que beber água o deixará monstro e que é algo milagroso, o objetivo é mostrar o quanto não beber água afetará a sua saúde e com certeza irá dificultar e muito os resultados dentro da academia. Para ter resultados bacanas o consumo sugerido acima já é um começo, mas lembre-se de ficar ligado naquilo que o seu corpo está pedindo.

Está com sede? Beba água, não esqueça!